Dê play nessa música e ao ouvi-la entenda que para cada pessoa, obviamente, uma música terá significados diferentes e terá uma expressão maior ou menor diante de suas vivências.
Para mim, ao ouvir essa música a única leitura possível é a do soneto que escrevi enquanto a ouvia a muitos anos atrás.

SONETO DO AMOR PLENO

Por tanto tempo que o sol não brilhava
por falta de senso, dei-me conta
que o amor próximo de mim estava
dentro de seu olhar, que me confronta.

ínfimo, perante seu brilho harto,
meu coração se entrega, submete-se.
feliz, aconchego-me em seu seio farto
de amor fulmíneo, que entorpece.